Abismo da Paixão

Ele chegou primeiro e sentou.

Ela sem demora logo apareceu, se entreolharam.

Em silêncio permaneceram, até que as mãos se procuraram.

Os dedos se entrelaçaram, e sem uma palavra trocar, se atiraram.

Uma velha placa ali perto, se podia ler: “Abismo da Paixão”.

Como chegariam lá embaixo ninguém jamais iria saber.

Mas naquele instante apenas o desejo, a presença, a cumplicidade guiava aquele jovem casal que despencava.

Dois corações cansados, que já caíram naquele vazio algumas vezes,

E lá embaixo se espatifaram.

Mas desta vez a certeza de que seria diferente os fez tomarem essa decisão.,

E juntos partiram mais uma vez para os desafios do coração.

Anúncios

Sobre thiagoboituva

Feito de frases de efeito, clichês e pieguisses em geral.

Publicado em 16 de maio de 2011, em Devaneios e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Juro que eu adoro seus posts! =)

  2. Não canso de ler e reler seus textos…
    =)

  3. Muito lindo! Parabéns poeta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: